segunda-feira, 8 de abril de 2013

Mmmmmmm

Mmmmmmm


Esta coisa que hoje habita meu coração
Incomoda, arranha, morde e aperta
Quero expulsá-la
Mas não consigo
Não sei se é fúria, se é boa, se é amor...
Foi bom te beijar, te tocar
Tocar teu corpo perfeito
Sentir teu espirito perfeito
Por quê? Por que fez isso comigo?
Ou será culpa minha?
Talvez seja melhor me jogar aos seus braços...