terça-feira, 2 de julho de 2013

Além dos muros de Teby (I - Devaneio)

I - Devaneio


Meia noite. Levanta da cama. Ele não consegue dormir há um sonho que o apavora. Olhando em sua geladeira só água. Coloca algo para poder sair. Abre a porta, desce às escadas e para em frente ao corredor escuro que era parecido com o começo do seu sonho. 

Eu andava por um corredor sombrio e sem fim quando achava que não ia acabar surgiu uma garota...

Estava devaneando. Abriu o portão; ruas vazias. Em uma pizzaria, sentado e em sua 3º das 8 fatias, viu ela pela pequena janela. Era branca, cabelos longos, negros e lisos, boca perfeita rosinha e olhos negros. Não acreditou que ela estava ali, lá fora, a garota dos seus sonhos.

Ela pegou em minhas mãos e olhou nos meus olhos. - Venha! Guerreiro meu Inkrov - disse ela. Sua voz era doce como a de uma donzela e nada eu disse apenas deixei que ela me levasse. Chegamos em uma sala com uma mesa de pedra em uma atmosfera sombria. Eu não entendia aquele lugar, era trevas por toda parte, eu parecia flutuar no Universo. Olhei para ela e tentei perguntar o que acontecia, mas o seu sorriso me paralisou e só consegui devolver um sorriso tímido.


Ele saiu naquela noite gelada como um louco olhando para todos os lados e gritando seu nome: Bianca...