quarta-feira, 17 de julho de 2013




Medo do Escuro


Eu sou um homem que caminha sozinho
E quando eu estou andando por uma estrada escura
À noite ou passeando pelo parque



Quando a luz começa a mudar
Eu às vezes me sinto um pouco estranho
Um pouco ansioso quando está escuro



Medo do escuro, medo do escuro
Eu tenho um medo constante de que sempre haver algo por perto
Medo do escuro, medo do escuro
Eu tenho uma fobia de que alguém sempre está lá



Você já correu seus dedos pela parede
E sentiu a pele de sua nuca arrepiar
Quando está procurando pela luz?
Algumas vezes quando você está com medo de olhar
No canto da sala
Você sente que alguma coisa está lhe observando



Medo do escuro, medo do escuro
Eu tenho um medo constante de sempre haver algo por perto
Medo do escuro, medo do escuro
Eu tenho uma fobia de que alguém sempre está lá



Você alguma vez já esteve sozinho a noite
Pensou ouvir passos por trás
E quando virou de costas, não havia ninguém lá?
E enquanto você acelera seu passo
Você achará difícil olhar de novo
Porque você tem certeza de que há alguém lá



Medo do escuro, medo do escuro
Eu tenho um medo constante de que sempre haver algo por perto
Medo do escuro, medo do escuro
Eu tenho uma fobia de alguém sempre está lá



Medo do escuro
Medo do escuro
Medo do escuro
Medo do escuro
Medo do escuro
Medo do escuro
Medo do escuro
Medo do escuro



Assistindo filmes de terror na noite anterior
Debatendo sobre bruxas e folclore
Os problemas desconhecidos na sua mente
Talvez sua mente esteja pregando truques
Você sente, e subitamente seus olhos fixam
Em sombras dançando por trás de você



Medo do escuro, medo do escuro
Eu tenho um medo constante de que sempre haver algo por perto
Medo do escuro, medo do escuro
Eu tenho uma fobia de que alguém está lá



Medo do escuro, medo do escuro
Eu tenho um medo constante de que sempre há algo por perto
Medo do escuro, medo do escuro
Eu tenho uma fobia de que alguém está lá



Quando estou andando por uma estrada escura
Eu sou um homem que caminha sozinho