segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

2016

   Faz muito tempo que não escrevo mesmo com muita vontade. O blog sempre teve o numero de leitores em 0 - forte indicio que eu escrevo mal - Mesmo assim, gostaria de por um ponto nessa parte importante de minha vida; um ponto, não sei se final. 

(Eu nunca termino nada)


   Bom. O blog começou porque eu queria mostrar as coisas que escrevia para uma menina - o M do nome daqui - Não demorou e passei a postar minhas opiniões de merda. Pouco tempo depois o tom mudou de coisas romântica para coisa melancólica. Eu havia descoberto quem ela era de verdade. 

(Não sofrer por aquilo que não vale a pena -easy)



   Então... por que eu parei? - já que meu público é zero, isto é mais um exercício mental - Eu parei mesmo de escrever quando escrevi para alguém (dar de aniversário) e a pessoa não leu e ainda descobri que ela não lia nada meu. Admito que fiquei chateado, mas eu entendo, eu sou um saco. Bom. Mesmo assim, fiquei muito desmotivado e acabei parando tudo. Não foi o público zero ou eu ser ruim, foi falta de estimulo para alguém que já estava desanimado. Mas não a sentenciaria a morte, eu poderia ter continuado.

(É muito importante encorajar as pessoas que você gostar com aquilo que as fazem felizes; sem ânimo e apoio talvez elas não consigam realizar grandes feitos)



   Enfim. Esse é um resumo da linha de tempo deste blog e algumas coisas que aprendi* - mentira, pegou frases de tia velha no facebook -. Irei tentar mais uma vez, sem metas bem definidas, não gosto de metas, mas voltarei a escrever e a postar devagar. No momento não estou nada bem e isso é ótimo para escrever.

Obrigado se leu até aqui, bj mãe.


___________________________________________________________________

* Entre parênteses 






Tirei 9 em redação e língua portuguesa no vestibular; eu sempre fui ruim em português.