segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

ARTHIUS - SUPREMACIA MULTIVERSAL (XIX)



DESAFIANTES DA CLASÍODA




As coisas pareciam tranquilas. Maori refugiou-se no templo para colocar os pensamentos em ordem. Aquela interrupção da Vashirah ainda o incomodava. Qual a necessidade de Vangladius mandá-la pessoalmente? O que é exatamente essa Mão Multiversal?

- Então estás aqui. Procurei na floresta mas não te encontrei...
- Shienn? E pensar que já faz um tempo que não nos vemos neste local. O que deseja?
- Vangladius requisita a presença dos Elites no castelo.
- Irei imediatamente.

Arthius prosperava mais do que nunca. O reino – lotado de comerciantes – transbordava além das próprias fronteiras.

- Poderia me adiantar do que se trata? Maori perguntou.
- Relaxe. Logo saberás...
- Olá, mestra.
- Acompanhe-nos também, Hazz.
- Quem é esse? A garota direciona um olhar ao jovem Elite.
- Ah, o mascarado? É o Maori.

Apenas acenei com a cabeça. Aquela expressão fria e morta me incomodava um pouco. Ela é aprendiz da Shienn. Pareciam mãe e filha, considerando a semelhança no comportamento.

Vangladius aguardava a chegada dos convocados a fim de iniciar o pronunciamento oficial. Haviam uns 30 guerreiros já presentes, contando os Overlords. Todos – aos poucos – se acomodavam...

- Saudações, Guardiões!! O motivo de reunir os senhores é nobre. Vashirah?
- Sim... escolhemos alguns nomes para conceder a chance de participar da Clasíoda. Trata-se de uma prova onde os vencedores serão promovidos ao nível mais alto. Antes de prosseguir vamos aos sortudos...
- Assumo daqui. Hazz, Draus, Maori e Hallstar!! Deem um passo à frente!! Vangladius exclamou.
- Peço ao restante dos Elites que saiam. Shienn, aos detalhes. Disse Vashirah.
- Certo. Na região subterrânea desse castelo há o templo de Sethytys, a Entidade do Espaço. Dentro do local há Gyruda, o qual é encarregado de proteger os tesouros. A missão é trazer um dos pergaminhos enterrados nas lápides situadas nas costas dele. Só existem dois: o Selo da Luz e o da Escuridão.
- Então é só ir lá e derrotá-lo? Perguntou Hazz.
- Claro que não. Gyruda é astuto e também possui ajudantes. Provavelmente vocês lutarão entre si. É possível que morram. Desejam ir?

Ninguém recuou. Shienn deu um sorriso malicioso e apontou em direção às escadarias que davam acesso ao complexo do subsolo.

- Ah, quase esqueci. Há vários portais, sendo que a saída será em uma região aleatória do templo. Uma vez dentro do lugar a prova começa pra valer.

Os desafiantes partiram. Shienn retornou ao encontro dos demais Overlords.

- Preparei esse sistema de monitoramento. Poderemos acompanhar em tempo real os participantes. Disse Vangladius.
- O Maori é forte, mas acho que o Draus acaba com ele.
- Não o subestime, Blossom. Asuka usa um tom sério.
- É tão bonitinho ver a Asuka falando dele...
- Ela tem razão. Aquele garoto tem muito mais poder do que aparenta...
- Como tens tanta convicção no que dizes, Vashirah?
- Digamos que consigo enxergar um potencial enorme nele. Assistam e aprendam. Essa competição revelará o quanto os quatro evoluíram.



____________________________________________________________________________________

O que acontecerá na tal Clasíoda? O Hallstar retornou à cena, mas quem são os outros dois?